S 30º53’67" W 55º32’19" …e as diferentes visões do Reino de Braguay

Visões diferentes da linha imaginária.
Linhas, Cordas, “Piolas”, barbantes amarrados, unidos, tramados, tecidos, enlaçados. Unindo os territórios, as pessoas,   Por João Modé em 2009.
Pedras. Pedras pequenas, grandes, registradas, localizadas, demarcadas, tags, gps. Desenhadas, Reproduzidas, gravadas, transportadas. Mudança de território. Por Marcelo Moscheta em 2011.

Linhas imaginárias. Materialização do imaginário. Materialização de identidades, idiomas, povos, familias, culturas, costumes, linguagens . artenalinha. Reino de Braguay & seu personagens, seus mitos, seus ritos… e  caos cultural de quem “vive sobre dois povos”.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s